CONSULTORIA

Os antigos sistemas de qualidade evoluíram e hoje são importantes sistemas de gestão de negócios,

integrando estratégias e processos de empresas.

Um Sistema de Gestão é uma estrutura desenvolvida para que a organização possa consistentemente

controlar seus processos internos e melhorar continuamente as operações e negócios, além de

cumprir todos os requisitos aplicáveis, incluindo os requisitos legais.

A implementação e, principalmente, a manutenção de um Sistema de Gestão requer o envolvimento

de todos os colaboradores e a disponibilização de recursos financeiros, humanos e tecnológicos por

parte da Alta Direção.

Quando uma organização adota verdadeiramente seu sistema de gestão, os procedimentos

implementados agregam valor a empresa, ela satisfaz a seus clientes, seus acionistas, seus colaboradores, a comunidade e aos órgãos governamentais obtendo resultados efetivos e não apenas um certificado.

Com experiência em projetos de implementação do sistema de gestão objetivando a certificação inicial, a JMA Assessoria Empresarial também está estruturada para a completa atuação na manutenção e aperfeiçoamento do sistema de gestão, além da implementação de um sistema de gestão integrado baseado em requisitos de normas internacionais, tais como ISO 9001, ISO 17025, IATF 16949, ISO 14001, OHSAS 18001, entre outras.

Atuamos também na consultoria para obtenção de certificação de produtos, inclusive com fabricantes localizados fora do Brasil.

Após a realização de um diagnóstico inicial, as atividades serão planejadas em conjunto com a equipe técnica envolvida no projeto com o detalhamento das atividades e o período estipulado pela empresa para a assessoria a ser realizada na forma de visitas presenciais e reuniões com a coordenação. Poderão também ser executadas atividades no escritório da consultoria, de comum acordo entre as partes. A programação das visitas é acordada entre os consultores da JMA e a coordenação da Empresa.

Esta assessoria pode contemplar as seguintes atividades, dependendo do escopo definido:

  • Planejamento da implementação dos requisitos aplicáveis: com base no diagnóstico inicial a ser realizado na primeira visita do projeto, é realizado um planejamento do projeto de implementação do Sistema de Gestão da Qualidade conforme requisitos normativos e demais requisitos aplicáveis;

  • Palestras: são realizadas palestras para divulgação do projeto de implantação aos gestores e demais colaboradores da empresa, além de divulgação dos conceitos básicos normativos à Gerência e demais colaboradores da empresa;

  • Planejamento estratégico: workshop de preparação e auxílio na elaboração de Planejamento Estratégico em conjunto com a Diretoria e principais gestores da empresa;

  • Mapeamento dos processos: revisão no mapeamento dos processos da empresa e avaliação das adequações necessárias em virtude dos novos requisitos normativos conforme abordagem automotiva;

  • Análise de Riscos e Oportunidades: workshop de preparação e auxílio na elaboração da análise de riscos de todos os processos do sistema de gestão de acordo com os pontos principais definidos no Planejamento Estratégico da empresa;

  • Adequação dos documentos corporativos: análise dos documentos corporativos para verificação do atendimento aos requisitos normativos e à natureza das operações nacionais, fazendo proposta de adequação e revisão ou emissão de procedimentos complementares necessários;

  • Implantação dos documentos elaborados: acompanhamento do início de utilização dos documentos elaborados ou revisados, verificando a necessidade de alterações junto aos gestores dos processos;

  • Auditoria Interna: realização de Auditoria Interna do Sistema de Gestão visando verificar a eficácia da sua implementação e verificar a viabilidade de iniciar o processo de certificação com o Organismo Certificador;

  • Ações Corretivas: auxílio na elaboração dos planos de ação corretiva em virtude dos resultados da auditoria interna;

  • Acompanhamento: acompanhamento da implementação e eficácia das ações corretivas implementadas em virtude dos resultados da auditoria interna;

  • Acompanhamento das auditorias do Organismo Certificador (Fase 1 e Fase 2).